19.1.12

Numb...

Abraço a tristeza na quietude e silêncio do espaço que habito sem vontade de a deixar partir. Permaneço imóvel e escondo a apatia atrás de conversas e sorrisos momentâneos que uso para viver o dia. Escondo-me do mundo lá fora e prefiro não o deixar entrar apenas numa tentativa vã de impedir que me magoe mais uma vez. Não me apetece falar com quem me conhece demasiado bem, não me apetece explicar ou ouvir. Não me apetece viver e por isso vou deixando que a vida me leve...

Sem comentários: