1.11.11

Soft and lonely...

A solidão que assusta a maioria das pessoas já se tornou uma companheira, por vezes a única. Existem momentos em que anseio por ela, por uma necessidade imediata de paz e sossego. Chego a questionar-me como será quando algum dia partilhar a minha vida com alguém. De tão habituada que estou ao meu espaço e ao meu silêncio, sei que a adaptação não será fácil. Mas por vezes a solidão torna-se indesejada, quase sufocante, principalmente quando ando ansiosa e com demasiadas coisas no pensamento. Nessas alturas procuro as pessoas, as conversas, a companhia. É apenas uma forma de não me perder na solidão, que passa de um lugar confortável a um vazio assustador.Hoje foi um desses dias.

Sem comentários: