25.12.08

This merry year...


O Natal foi...bom. Andei a fazer compras, quem não gosta de fazer compras? O espírito consumista, ao contrário do espirito festivo da época, permanece todo o ano, a diferença é que no Natal preocupamo-nos em dar também aos outros. Eu gosto de oferecer prendas, é verdade que não tenho muita paciência para centros comerciais, que funcionam nesta época como colmeias em plena actividade, mas gosto de andar a ver da prenda certa para as pessoas que são, de alguma forma, importantes para mim.

Nos entretantos eu e os meus pais passámos anos a oferecer perfumes aos outros, era essa a nossa prenda de eleição, para mulher ou para homem, este ano foi essa a prenda de eleição para nós. Entre boss, j'adore e 5th avenue nights, ainda houve espaço para uma prenda inesperada por parte da minha mãe, simples, barata e que eu gosto: uma bola enorme de vidro para juntar às outras que já tenho.

No dia 21 estive com os meus sobrinhos que gostaram e brincaram com as prendas que lhes dei. Passei o dia de 24 a fazer doces de natal com a minha mãe e à noite juntámo-nos os três a comer os doces à vez.

A época da família toda junta já desapareceu à muito, e só foi verdadeiramente bom até aos meus seis anos, altura em que o meu avô nos deixou e toda uma série de confusões familiares lhe sucederam, afinal ele sempre tinha sido o pilar da familia, até eu com a minha pouca idade sabia isso. Mas no dia 25 juntámo-nos todos e sem ser mau de todo, nunca é a mesma coisa...porque nunca mais será o mesmo, e após 20 anos ainda custa perceber isso.

Mas não posso dizer que o natal tenha sido por por conta disto, só o facto de estar de férias já conta e muito, assim como todas as brincadeiras e conversas que habitaram este ano a minha casa.


E espero que tenham tido, se não um Bom Natal, um EXCELENTE NATAL!!!!!

Sem comentários: