16.9.08

Suspiro...



Por vezes respiro e suspiro como se me doesse a alma.

Sem comentários: