23.2.08

Age against love?



É costume dizer-se que o amor é cego...e surdo...e mudo...e sem idade! Mas...será que ainda existe algum problema com a diferença de idades nos relacionamentos? É certo que desde sempre os homens eram elogiados (especialmente por semelhantes) em relação aquela jovem que os acompanhava, mas será errado aparecer com um jovem rapaz (mais jovem que nós) do lado? Será que é apenas uma coisa do passado, ou será que continua a existir, ainda que escondido atrás do aparente pensamento moderno?

Ele mais novo do que ela ou ela mais nova do que ele...continua a ser eles e elas, continuam a ser pessoas que querem viver a vida e o que esta tiver para lhes oferecer...se vierem coisas boas, serão sempre bem vindas, seja do lado de alguém mais velho ou mais novo! É verdade que a idade não importa, um "ele" mais novo pode dar a maturidade que um "ele" mais velho ainda não tem porque quer continuar a gozar a vida, uma "ela" mais nova pode dar a juventude que vai animar o ego de um "ele" mais velho (e algo mais!)

E, pondo o meu cepticismo de lado, pode ser amor verdadeiro...why not?! Afinal de contas o amor é cego e cheio de defeitos mas todos andamos à procura dele...

2 comentários:

Su disse...

Bolas...este texto apareceu mesmo num momento estranho. Quase que te diria que me tiraste este texto da cabeça e do que vai dentro dela nos últimos dias. É uma observação muiiitttooo pertinente, mas deixa-me que te diga que, das poucas coisas boas que o evoluir social trouxe foi o de aceitar, cada vez melhor, ainda que de forma lenta e difícil, as diferenças e as opções individuais de cada um.

nagareboshi disse...

eu concordo que o amor não escolhe idades...é comum ver pessoas com diferença de 10 anos juntas e é tão bonito como ver pessoas da mesma idade juntas...o que conta é a relação entre duas pessoas...mas acho estranho ver uma rapariga de 25 anos, com um homem de 65...é de desconfiar...um homem dessa idade já não consegue dar a uma mulher de 25 tudo o que ela precisa...

estranho tive esta mesma conversa no outro dia...